“Honra ao Senhor com os teus bens e com as primícias de toda a tua renda; e se encherão fartamente os teus celeiros, e transbordarão de vinho os teus lagares.” (Pv 3.9-10)

 

Aconteceu que com a morte do rei Davi, Salomão seu filho, ainda jovem, foi seu sucessor.... Deus perguntou a Salomão o que ele queria, e Salomão pediu a Deus sabedoria e discernimento para governar o povo de Israel. (1 Rs 3.5-12). Salomão tinha palavras de sabedoria para orientar todo o povo naquele tempo, e hoje, temos o livro de Provérbios, escrito por Salomão, onde existe uma palavra de sabedoria para os 31 dias do mês. Podemos consultar o rei Salomão, buscando uma palavra de sabedoria para cada dia do mês.

 

Hoje é culto de Primícias e temos a palavra de sabedoria do rei Salomão que fala sobre os nossos bens e também sobre as primícias da nossa renda para a honra do Senhor. As primícias diz respeito aos primeiros frutos; primeiras produções; primeiros lucros; primeiros sentimentos, primeira parte do tempo. Primícias não tem nada a ver com dízimo. O dízimo é um mandamento, que obedecido traz proteção e move as mãos do Senhor para abrir as janelas dos céus, mas as ofertas e as primícias são honras diretas a Deus. Quando honramos a Deus, quem acaba sendo beneficiado somos nós mesmos. Quando Deus estabeleceu este princípio, Ele queria trabalhar em minha vida e na sua.

As Escrituras nos mostram a importância que Deus dá ao nosso ato de entregarmos a Ele as nossas primícias, cuja definição é: “a primeira parte de algo.”.  Quando entregamos ao Senhor as primícias da nossa renda estamos honrando  e demonstrando o lugar especial que Ele ocupa em nossas vidas. Deus quer ser o Primeiro em nossas vidas. Mas a primícias tem que vir de um coração alegre e não avarento. Ela não pode ser dada com tristeza mas com alegria. Quando consagramos a Deus a primeira parte com amor e alegria, todo o resto se torna santo, a massa se torna santa, a raiz e os ramos se tornam santos e então você prospera, sua despensa transborda, sua mesa fica farta, você tem pra dar e jamais pede emprestado.

Olha só a promessa de Deus para nós:... ; e se encherão fartamente os teus celeiros, e transbordarão de vinho os teus lagares.  

 

Olhe o que o Senhor está falando para nós através do profeta Malaquias:

 

"O filho honra seu pai, e o servo o seu senhor. Se eu sou pai, onde está a honra que me é devida? Se eu sou senhor, onde está o temor que me devem? Pergunta o Senhor dos Exércitos a vocês, sacerdotes. São vocês que desprezam o meu nome! Mas vocês perguntam: ‘De que maneira temos desprezado o teu nome? ’

Trazendo comida impura ao meu altar! E mesmo assim ainda perguntam: De que maneira te desonramos?

Ao dizerem que a mesa do Senhor é desprezível. Na hora de trazerem animais cegos para sacrificar, vocês não vêem mal algum. Na hora de trazerem animais aleijados e doentes como oferta, também não vêem mal algum. Tentem oferecê-los de presente ao governador! Será que ele se agradará de vocês? Será que os atenderá? ", pergunta o Senhor dos Exércitos.

Malaquias 1:6-8

 

Será que temos dado o melhor para Deus; ou temos levado para o Senhor coisas desprezíveis? E isto inclui o nosso louvor e a nossa adoração. Será que o Senhor tem se agradado de nós?

 

"Ah, se um de vocês fechasse as portas do templo. Assim ao menos não acenderiam o fogo do meu altar inutilmente. Não tenho prazer em vocês", diz o Senhor dos Exércitos, "e não aceitarei as suas ofertas.

(Malaquias 1.10)

 

O Senhor fala que é melhor alguém fechar a porta do templo, do que darmos ofertas de primícias sem valor e que não honram a Deus.

 

"Mas vocês o profanam ao dizerem que a mesa do Senhor é imunda e que a sua comida é desprezível. E ainda dizem: ‘Que canseira! ’ e riem dela com desprezo", diz o Senhor dos Exércitos. "Quando vocês trazem animais roubados, aleijados e doentes e os oferecem em sacrifício, deveria eu aceitá-los de suas mãos? ", pergunta o Senhor.

Malaquias 1:12,13

 

A primícias de cereais não pode ser aquele feijão vencido, todo furado, com gorgulho e duro, aquele arroz que já está velho e perto de estragar, aquele fubá com saco furado e que está sujando sua despensa por isso você quer se livrar logo dele. Ei, o estragado se joga fora , não se leva à casa do Senhor para compor a cesta básica do seu próximo. Você come manteiga da boa, mas leva como primícias a margarina mais inferior e mais barata do mercado. Deus separou para você o melhor... dê o melhor. A primícias do agasalho, não é você levar aquela camisa que já cairam todos os botões, ou aquela calça que enguiçou o zíper.. Essa atitude não honra o Senhor. essa atitude é desprezível e não agrada a Deus. Que suas primícias sejam santas.

 

Na carta aos romanos o apóstolo Paulo está nos ensinando que quando santificamos a primeira parte, o melhor ao Senhor,  todo o restante fica santificado.  Se é santa uma parte da massa que é oferecida como as primícias dos frutos, a massa toda igualmente o é; se a raiz é santa, todos os ramos também o serão.  (Rm 11.16 ) 

Quando alguém santificava as primícias (primeiros frutos), santificava também tudo o que depois seria feito com a colheita, incluindo a massa da oferta de cereais e dos pães que eles comeriam depois, se a raiz  for santificada, então os ramos e tudo o que surgir dela também serão santificados. Este era o entendimento que os judeus receberam da Lei de Moisés. Se santificassem ao Senhor as primícias de sua renda, estariam santificando o restante da renda que ficava em suas mãos. Por isso Deus poderia fazer com que se enchessem fartamente os seus celeiros e transbordassem de vinho os seus lagares! Isto não apenas explica o que são as primícias, mas também nos mostra o poder que elas têm de santificar o restante daquilo de onde foram tiradas.

 

O Senhor está observando as nossas atitudes.

 

Então o Anjo do Senhor veio e sentou-se sob a grande árvore de Ofra, que pertencia ao abiezrita Joás. Gideão, filho de Joás, estava malhando o trigo num tanque de prensar uvas, para escondê-lo dos midianitas. Então o anjo do Senhor apareceu a Gideão e lhe disse: "O Senhor está com você, poderoso guerreiro". (Juízes 6:11,12)

 

O Anjo do Senhor estava observando Gideão trabalhar. A atitude de Gideão foi aprovada por Deus: : "O Senhor está com você, poderoso guerreiro".

 

Jesus está observando a igreja e a forma como o povo oferta:

 

 “Estando Jesus a observar, viu os ricos lançarem suas ofertas no gazofilácio. Viu também certa viúva pobre lançar ali duas pequenas moedas; e disse: Verdadeiramente, vos digo que esta viúva pobre deu mais do que todos. Porque todos estes deram como oferta daquilo que lhes sobrava; esta, porém, da sua pobreza deu tudo o que possuía, todo o seu sustento.” (Lucas 21.1-4)

 

Vemos aqui, Jesus sentado em frente ao lugar onde eram colocadas as contribuições. O Senhor  observa o nosso interior. Como está o nosso coração quando tiramos algo para Deus? Será que nosso coração se alegra quando temos que tirar o melhor; ou ele fica triste e avarento?  O que o Senhor tem visto em nosso interior? Deus te observa em todos os lugares.

Jesus estava observando aquele povo ofertar e olhe o que Ele viu? Ricos ofertando apenas o que sobrava e uma pobre viúva colocando no gazofilácio, apenas duas  pequeninas moedas de cobre, de pouco valor. Não era o valor em si que importava para Jesus, mas a disposição do coração. Quem possui mais não é melhor do que aquele que tem menos condições, ainda que tenha a capacidade de ofertar mais. Jesus mostrou isso para os discípulos e disse que a oferta daquela viúva foi a maior de todas.

 

Não se prenda a bens materiais. Tudo vem de Deus e tudo pertence a Ele.

 

“Mas buscai primeiro o Reino de Deus, e a sua justiça, e todas essas coisas vos serão acrescentadas.” (Mt 6.33)

 

Abra o seu coração para Deus e você verá quão grandes coisas o Senhor tem reservado para a sua vida.

 

Deus te abençoe.

 

01567867

Seu IP: 107.22.56.104
22-06-2017

Visitante On-line

We have 31 guests and no members online

Template Settings

Theme Colors

Blue Red Green Oranges Pink

Layout

Wide Boxed Framed Rounded
Patterns for Layour: Boxed, Framed, Rounded
Top